COTIDIANO

Fórum Empresarial 2018 encerra com saldo positivo

Coppetti comenta que o planejamento para a próxima edição já começou

Mal. Cândido Rondon
Palestras | 11/10/2018 18h36

Na noite de quarta-feira (10), Claudio Forner trabalhou o tema ‘Como transformar ideias em oportunidades’ (Foto: Promove )

Com três palestrantes de peso e temas relevantes para o momento atual, chega ao fim mais uma edição do Fórum Empresarial, promovido pela Associação Comercial e Empresarial de Marechal Cândido Rondon (Acimacar) e parceiros.

Na noite de quarta-feira (10), Claudio Forner trabalhou o tema ‘Como transformar ideias em oportunidades’. O profissional afirmou que grandes rupturas de modelos antigos de negócios já aconteceram e que, caso as empresas locais não se renovem, não transformem suas ideias e não pensem em algo para ser seu diferencial, estará fadada à extinção. “Ainda que seu método esteja funcionando não significa que não é preciso mudar”, disse.

Forner também enfatizou a importância da comunicação visual e conceitual das empresas frente aos consumidores, que hoje são formados de gerações mais novas e percebem as marcas e seus posicionamentos de maneira diferente.

Para ele, é possível inovar fazendo mudanças aos poucos no negócio ou na vida profissional, só e preciso analisar por onde começar. Também deu cinco dicas para converter ideias em resultados: simplicidade, raridade, densidade/escalabilidade, percepção do meio e padronização.

O profissional ainda citou a história do vietnamita Thái Nghiã, empresário fundador da Goóc (calçados reciclados), radicado no Brasil, que veio fugido do seu país de origem e aqui inventou o negócio. Hoje o faturamento é de mais de R$ 50 milhões ao ano.

“Encurte o tempo da entrega do seu produto ou serviço, traga comodidade, chegue mais perto do que o cliente quer, elimine intermediários, ajuste-se para atender online e offline. Uma oportunidade não tolera desperdício de tempo. Faça o que é simples, mas não o que é comum”, reforçou.

Opinião

Proprietária de uma clínica odontológica em Marechal, a dentista Eliane Stapnhorst, participou das três palestras e afirma que todas trouxeram aprendizados importantes. “A inovação foi o foco principal da última palestra, mas todas agregaram conhecimentos seja em economia, política ou como motivação. Por exemplo, não ofereço produtos, mas também preciso ter uma visão de mundo, buscar um diferencial, ser uma boa profissional não é suficiente. Com as palestras temos mais conhecimento para saber que direção tomar e é também um estímulo a mais. As três serviram para minha vida pessoal e profissional”, afirma.

Avaliação

O vice-presidente de Desenvolvimento Profissional da Acimacar, Paulo Rodrigo Coppetti, acredita que a edição foi positiva e de conteúdos pertinentes. “Todas valeram a pena na minha visão e de acordo com a pesquisa de satisfação os participantes também se mostraram satisfeitos. Conhecimento nunca é demais e quando temos a oportunidade de ouvir pessoas renomadas e fazer uma análise profunda do que vivemos, inclusive comercialmente, alargamos nosso poder. Temos que ficar atentos às transformações, sair da zona de conforto e buscar fazer algo diferente, acredito que foi o maior aprendizado dessa edição”, avalia.

Coppetti comenta que o planejamento para a próxima edição já começou. “Nos reuniremos nos próximos dias para uma avaliação final, observar as sugestões dos participantes, verificar o que é possível melhorar e corrigir. Para o próximo ano temos alguns nomes que estão sendo contatados e analisados. Vamos trabalhar para oferecer um evento ainda mais grandioso para nossos associados e comunidade.”

Realização

O Fórum Empresarial 2018 é uma realização da Acimacar e conta com o patrocínio das empresas Isepe Rondon, Sicredi Aliança PR/SP, Colégio Evangélico Martin Luther, Sebrae/PR, Sempre Vida, Copagril, Sooro, Unimed Costa Oeste, Jornal O Presente, Activa Corretora de Imóveis, Coopercard, Credivel, Cresol, CVC Marechal, Fiep, Garantioeste e Uniprime.

 

Com informações de Assessoria


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp